Botox, Microvasos (PEIM) e Fios de Sustentação aprovados na Enfermagem Estética

Botox, Microvasos (PEIM), Fios de Sustentação e Peelings Médios são aprovados ao enfermeiro esteta. Agora mais do que nunca a especialidade Enfermagem Estética para todos os enfermeiros se torna altamente atrativa. Enfermeiro esteta está autorizado a aplicar Botox, Microvasos (PEIM), Fios de Sustentação e Peelings Médios pelo COFEN O Cofen – Conselho Federal de Enfermagem […]
Cofen aprova Botox Peim e Fios na Enfermagem Estética
Botox, Microvasos (PEIM), Fios de Sustentação e Peelings Médios são aprovados ao enfermeiro esteta. Agora mais do que nunca a especialidade Enfermagem Estética para todos os enfermeiros se torna altamente atrativa.

Enfermeiro esteta está autorizado a aplicar Botox, Microvasos (PEIM), Fios de Sustentação e Peelings Médios pelo COFEN

O Cofen – Conselho Federal de Enfermagem autoriza o Enfermeiro Esteta a aplicar procedimentos invasivos injetáveis de fins estéticos tais como Botox (toxina botulínica), Microvasos (PEIM) e Fios de Sustentação, em detrimento de relatórios enviados por associações de enfermagem estética e enfermagem dermatológica. Além de tais procedimentos com agulhas o Peeling Médio também foi permitido. Nesta quinta-feira (27/4), foi aprovada resolução que amplia a atuação dos profissionais enfermeiros na área da saúde estética.

Botox, Microvasos (PEIM), Peelings Médios e Fios de Sustentação tornam a especialização de enfermagem estética ainda mais atrativa

Dentre os procedimentos invasivos injetáveis estéticos aprovados pelo COFEN, os mais procurados e valorizados pelos pacientes são: Botox (aplicação de toxina botulínica) e PEIM aplicação de glicose para Microvasos. Peelings médios são muito procurados agora no inverno. E fios de sustentação têm sua atuação recomendada somente para profissionais com mais tempo de experiência e habilidades. A partir de agora os enfermeiros estetas se encontram em pé de igualdade aos médicos dermatologistas, biomédicos estetas e farmacêuticos estetas quando o assunto é estética e cosmiatria. Até mesmo, a enfermagem proporciona ao enfermeiro esteta uma visão diferenciada de atuação podendo ir além em vários tipos de procedimentos estéticos e dermatológicos na pele. Um alerta do COFEN é que o exercício na área da Enfermagem Estética é privativo a enfermeiros com títulos de especialistas obtidos por meio de pós-graduações lato-sensu reconhecidas pelo MEC ou através de provas de títulos realizadas por associações de enfermagem estética e dermatológicas. Tal normativa só passa a valer após a publicação no Diário Oficial da União (D.O.U.). Maiores detalhes direto no site do COFEN. [widgetkit id=”10″ name=”BANNER PÓS-GRADUAÇÃO ENFERMAGEM – 30-01-2017″]

Comentário (13)

    • Tem que ficar claro para respaldo do profissional.Mas os enfermeiros são profissionais éticos e capacitados e não irão sair aplicando tudo em ninguém,porque prezamos pela segurança do paciente.

  • Nunca foi tão favorável encontrar clientela que aceite que enfermeiro faça tal procedimento estético e invasivo.
    Enfermeiros são os profissionais mais capacitados e habilitados para atuar com procedimentos injetáveis de quaisquer naturezas. Nunca que um médico será tão bom quanto um enfermeiro. Imaginem quando algo dá errado no rosto de alguém? Essa é uma atividade de resultado, não de meio, se der algo errado é o enfermeiro socorrista é o primeiro a ser procurado e ENCONTRADO num hospital. Já os dermatologistas? Em hospital? Dedo de silicone?

      • Agora eu não entendi. O enfermeiro com especialização em estética pode ou não fazer estes procedimentos? Tenho interesse em me especializar mas estou com dúvida se poderei fazer. Se é necessário um outro profissional fiquei sem saber. Podem me ajudar?

  • Entao sozinho o enfermeiro ainda nao pode realizar procedimentos invasivos como botox, fios de sustentaçao entre outros?Tem que ter um RT responsavel?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2013-2021. Portal da Enfermagem Estética.