Cofen reprova onze cursos de Enfermagem

Na última semana, o Conselho Federal de Enfermagem, em plenária reprovou onze cursos de Enfermagem, em todo País. De acordo com a Comissão de Avaliação MEC/Cofen, onze instituições de graduação em Enfermagem foram considerados insatisfatórios. Os processos foram enviados para análise jurídica, que emitirá posição oficial do Cofen sobre o registro ou não dos diplomas, obrigatório […]

Na última semana, o Conselho Federal de Enfermagem, em plenária reprovou onze cursos de Enfermagem, em todo País.

De acordo com a Comissão de Avaliação MEC/Cofen, onze instituições de graduação em Enfermagem foram considerados insatisfatórios. Os processos foram enviados para análise jurídica, que emitirá posição oficial do Cofen sobre o registro ou não dos diplomas, obrigatório para a prática profissional.

Segundo o Cofen, todos os cursos avaliados apresentaram irregularidades em um ou mais aspectos. Entre elas estão, a carga horária insuficiente, tempo de integralização inferior a 5 anos, matriz curricular em desacordo com o recomendado pelo MEC e descumprimento das normas que regem o estágio e as atividades práticas.

A resolução CNE/CES 4 de abril de 2009, estabelece carga horária mínima de 4mil horas, integralizadas durante cinco anos.

Os conselheiros federais criticaram a permissividade do MEC, responsável pela autorização dos cursos. O processo de avaliação pelo Cofen é resultante de um termo de cooperação firmado com o MEC.

Outro fato apontado foi a oferta de vagas em cursos de Enfermagem, sem campos de estágios e prática profissional. No interior do Rio de Janeiro, por exemplo, o número de vagas solicitadas por ano é 12 vezes superior ao número de enfermeiros em atuação. Além de não oferecer condições de formação prática, a abertura exagerada de cursos pode agravar a falta de emprego na área.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2013-2021. Portal da Enfermagem Estética.