Gordura localizada é uma das queixas mais comuns nas clínicas de estética, principalmente pelas mulheres. Por isso, muitos enfermeiros estetas têm investido no procedimento de criolipólise.

Essa técnica é utilizada nas principais clinicas de estética e os profissionais especializados em estética podem realizar o procedimento. A criolipólise está entre os 19 procedimentos estéticos que compõem a resolução da enfermagem estética publicada pelo COFEN.

Afinal, como age a criolipólise no organismo?

Congelar a gordura tem sido a técnica mais pedida nas clínicas de estética e provou que veio para ficar, mas nem todos sabem como ela realmente funciona ou sentem segurança no procedimento.

Quem faz a criolipólise obtém resultado porque é utilizado um sistema de congelamento a vácuo. Ele age no tecido adiposo e esse resfriamento causa cristalização dos lipídios do citoplasma das células. Isso causa uma inflamação no tecido adiposo em até até 72 horas após sua realização. Com essa inflação, as células morrem e são excretadas pelo metabolismo.

O processo pode durar em torno de 14 a 30 dias, dependendo do metabolismo de cada indivíduo. Mas o resultado evidencia-se, em torno de 60 dias após o procedimento. É possível que a redução da camada de gordura local, chegue até 26%.

Se interessou pela técnica e quer levar mais resultados para seus clientes? Se especialize em Enfermagem Estética e mude a sua vida e de todos a sua volta.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos tudo por amor. Nosso compromisso é apenas com a verdade e com o que acreditamos e defendemos – a enfermagem estética é legítima, um direito e expressão de liberdade do enfermeiro, do enfermeiro esteta, do graduando de enfermagem e, principalmente, de toda a sociedade beneficiada com as informações aqui divulgadas e como caminho de beleza e auto-estima.