Apresentadora do programa Bem-Estar (leia-se: Mal Estar) da Rede Globo (leia-se: Rede Esgoto) faz retratação sobre o erro anunciado na edição de quinta-feira (28) de Junho de 2018 tentando corrigir (leia-se: querendo iludir) o posicionamento sobre o uso do ácido hialurônico como competência de enfermeiros estetas, cirurgiões dentistas, biomédicos estetas, farmacêuticos estetas e médicos dermatologistas ou cirurgiões plásticos.

Veja o vídeo da retratação ao vivo do programa:

Dr. Anderson da Silva Spínola em defesa da enfermagem estética

Tenho acompanhado as reportagens desse programa e algo tem chamado muito a atenção de nós enfermeiros estetas e dos profissionais de saúde.

Não é de hoje que se referem aos profissionais de saúde como “profissionais não-médicos”.

Pois bem, “não-médicos” não existem, assim como “não-repórteres”.

Profissionais da saúde têm nome, função, cargo e são reconhecidos pela Lei através do Cadastro Brasileiro de Ocupações – CBO e pelos seus respectivos Conselhos de Classe como profissionais liberais.

Outra coisa que salta aos olhos é o fato de que esses procedimentos estéticos não são de exclusividade médica e a equipe de reportagem do programa tem o dever de se manter íntegra, procurando averiguar as informações antes de disseminar inverdades, principalmente por saber que a TV representa um meio de comunicação em massa, popular e confiável.

Lamentável que as fake-news chegaram à TV.

A impressão que fica é que todos os profissionais da saúde, exceto os médicos que estão sempre presentes no programa através de lobby, são irresponsáveis e têm a intenção de prejudicar a sociedade.

Mas quando se trata de serviços intra-hospitalares tudo muda.

Lanço aqui o desafio: convidem um Enfermeiro para falar sobre Estética, saúde e bem-estar e verão que este profissional é muito mais do que um “não-médico”.

Dra. Ana Carolina em defesa dos profissionais da saúde

Há algumas semanas atrás, nós do blog publicamos a reportagem que a Dra. Ana Carolina Puga concedeu ao Jornal O Globo, falando sobre o uso do ácido Hialurônico por profissionais capacitados e principalmente habilitados pelo conselho.

No mais, a retratação emitida foi parcialmente satisfatória, pelo menos deixaram claro que não só os dermatologistas e cirurgiões plásticos podem realizar tal procedimento.

Participe do nosso blog, deixe sua opinião neste post que certamente lhe responderemos.

Sobre a retratação do programa de TV a respeito do ácido hialurônico

Após o término do programa, nós do blog saúde estética entramos em contato com a emissora e solicitamos uma retratação do assunto abordado e dos demais profissionais capacitados e habilitados que podem fazer este tipo de aplicação.

Preencha os campos abaixo e faça o download do e-mail na íntegra, enviado pelo programa bem-estar da Rede Globo:


Afinal, para que serve o ácido hialurônico?

Quando jovem, nossa pele possui características que a deixam elástica e lisa. Isto porque nesta faixa etária, nossa pele contém muita água, devido o ácido hialurônico, responsável por fixar este componente.

Conforme os anos passam, esta substância vai diminuindo e como consequência a hidratação da pele também causando perda da elasticidade, surgindo os primeiros sinais do tempo, as rugas.

Indicado para rugas finas, como os famosos pés de galinha, cientificamente denominado de periorbitais, e ao redor da boca, periorais, também é indicado para o preenchimento de sulcos, rugas, cicatrizes e marcas de acne, correções faciais profundas, como rugas nas regiões glabelares, nasolabiais e aumento do contorno do rosto.

Também é muito usado para o aumento do volume dos lábios ou definição do contorno labial. Os resultados do tratamento com ácido hialurônico duram até um ano, dependendo do organismo de cada paciente.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...
Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos tudo por amor. Nosso compromisso é apenas com a verdade e com o que acreditamos e defendemos – a biomedicina estética é legítima, um direito do biomédico, do biomédico esteta, do graduando em biomedicina e, principalmente, de toda a sociedade beneficiada com as informações aqui divulgadas e como caminho de beleza e elevação da auto-estima.