Práticas integrativas têm ganhado espaço em âmbito nacional e se tornam importantíssimas para manter qualidade de vida e bem-estar para pacientes de diversas patologias.

Já se foram 12 anos desde que as práticas integrativas ganharam espaço e começaram a ser usadas no Sistema Único de Saúde (SUS). Os tratamentos foram autorizados através de uma normatização e por ser uma recomendação da Organização Mundial de Saúde (OMS).

Homeopatia, fitoterapia, acupuntura, termalismo e antroposofia foram as primeiras práticas estabelecidas pela Política Nacional de Práticas Integrativas e Complementares (PIC). A partir de 2017 novas práticas foram inseridas. Atualmente são 29 técnicas disponíveis no atendimento SUS.

Não cansadas de nos surpreender, recentemente foi detectado que estas práticas podem solucionar cerca de 80% dos atendimentos que chegam na Atenção Básica dos hospitais públicos.

É isso mesmo que você leu. Entre os tratamentos mais inseridos estão, por exemplo, a fitoterapia, acupuntura, massagens, arteterapia e musicoterapia.

Incrível, não é mesmo? O que mais chama a atenção é que no tratamento com práticas integrativas, além do combate à enfermidade, o atendimento consegue enxergar o paciente como um todo, se preocupando com cada reação do corpo, da mente e da alma.

Enfermeiros estão cada vez mais investindo em Práticas Integrativas

O aprendizado faz parte da nossa vida, não é verdade? Mais do que aprender, sempre será preciso investir em oportunidades que se desentoam dos demais.

A Enfermagem Integrativa é a aposta do momento. Enfermeiros e enfermeiros estetas estão adotando as novas práticas e elevando suas carreiras para um nível ainda maior.

Grandes instituições estão investindo em pós-graduações para capacitar e especializar esses profissionais que se interessam pelo assunto. É a melhor maneira de se tornar um grande profissional.

Não existe nenhuma proibição ou Lei Federal que impeça o exercício do profissional da saúde junto ás práticas integrativas. Muito pelo contrário, só há incentivos por parte das instituições governamentais de saúde, tanto as brasileiras, quanto as internacionais.

Portanto, você enfermeiro pode sim atuar com práticas integrativas, como terapeuta integrativo.

Levando em consideração todas estas informações, não há sombras de dúvidas que este é o momento certo para você dar o salto que tanto quer em sua carreira e levar mais saúde para aqueles que precisam.

Invista no futuro, seja o futuro!

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos tudo por amor. Nosso compromisso é apenas com a verdade e com o que acreditamos e defendemos – a biomedicina estética é legítima, um direito do biomédico, do biomédico esteta, do graduando em biomedicina e, principalmente, de toda a sociedade beneficiada com as informações aqui divulgadas e como caminho de beleza e elevação da auto-estima.