Duas vitórias para enfermagem:No segundo mês do ano, já tivemos um imenso avanço – os enfermeiros estetas conseguiram a liberação para trabalhar com Ozônio e o Cofen publicou nova resolução sobre a enfermagem estética.

Atuação regulamentada

O Cofen publicou nesta sexta-feira 21/02/20 pela manhã, a resolução 626/2020 que regulamenta a atuação dos enfermeiros especialistas em estética. Decisões judiciais haviam suspendido provisoriamente a resolução anterior 529/2016.

A atuação de enfermeiros na área de estética é uma realidade no Brasil e no mundo. Regulamentar os procedimentos e recursos terapêuticos disponíveis contribui para a segurança dos pacientes e profissionais. 

Graças a essa vitória parcial divulgada, agora o Cofen pode buscar restabelecer a integralidade dos procedimentos feitos pelos enfermeiros estetas.

O enfermeiro habilitado poderá realizar os seguintes procedimentos na área da estética:

– Carboxiterapia;
– Cosméticos;
– Cosmecêuticos;
– Dermo pigmentação;
– Drenagem linfática;
– Eletroterapia/Eletrotermofototerapia;
– Terapia Combinada de ultrassom e Micro Correntes;
– Micro pigmentação;
– Ultrassom Cavitacional;
– Vacuoterapia;

E a Ozonioterapia?

O Cofen (Conselho Federal de Enfermagem) reconheceu na última quarta-feira 20/02/20 a  Ozonioterapia como terapia complementar possível de ser realizada por enfermeiros que sejam capacitados para a prática. A recomendação é de que o profissional faça cursos com carga horária mínima de 120 horas.

“Nesse sentido, e considerando que a utilização de terapias com a utilização do ozônio tem sido amplamente difundida entre as diversas profissões da área da saúde, espera-se que possamos clarificar as propriedades da Ozonioterapia, suas indicações, vias de aplicações, modo de ação e resultados obtidos, com vistas a assegurar a utilização do método de forma segura pelo profissional Enfermeiro, regulamentando a sua prática, a exemplo do que já tem ocorrido na odontologia, na fisioterapia, na farmácia, dentre outras.”

Tratamento alternativo aprovado pelo SUS e os enfermeiros podem SIM  realizar os procedimentos em seus pacientes. Antes o profissional de enfermagem só podia atuar como terapeuta integrativo, agora ele foi reconhecido pela sua profissão.

A Ozonioterapia é a administração terapêutica de Ozônio caracterizada pelo aumento da oxigenação tecidual e consequente aumento do metabolismo. Trata-se de um método minimamente invasivo que oferece analgesia para a maioria dos pacientes, assim como recurso complementar no tratamento de doenças infecciosas agudas e crônicas causadas por vírus, bactérias e fungos, em queimaduras e úlceras diabéticas

O enfermeiro esteta pode usar Ozônio para melhorar o sistema imunológico dos pacientes, reverter processo de envelhecimento, acelerar cicatrização, combater a celulite e nas ações capilares, eliminando caspas e seborréia além de trazer o rejuvenescimento da pele das mãos e colo.

Parabéns enfermeiros, essa vitória é de vocês.

4 COMENTÁRIOS

  1. Impossível não comemorar essa vitória, mesmo em meio ao caos que estamos vivendo…mas ainda estamos insatisfeitos com nossa valorização e reconhecimento, a enfermagem está lá na linha de frente na luta contra a pandemia mundial e nesse momento somos enaltecidos pela garra e a coragem em lutar para salvar as vidas, entretanto substimam a nossa capacidade em fazer uma intradermoterapia, botox, preenchimentos etc. Precisamos de mais autonomia, pois somos capazes de fazer muito mais, lógico que com as devidas formaçãoes, nós somos profissionais fundamentais em todos os aspectos, seja na guerra contra o corona vírus ou no prazer e satisfação em poder elevar alto estima dos nossos pacientes na área da estética.
    #somoscapazes.

  2. como fazer curso de 120 h em ozonioterapia? pode ser cursos cumulativos? ou ter pos de estetica ou dermatologia e fazer um curso de extensão om ozonio?

Comente abaixo! Extravase!! Liberte-se!!! Faz bem pra pele e pra alma!!!!

Please enter your comment!
Please enter your name here

Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos tudo por amor. Nosso compromisso é apenas com a verdade e com o que acreditamos e defendemos – a enfermagem estética é legítima, um direito do enfermeiro, do enfermeiro esteta, do graduando em enfermagem e, principalmente, de toda a sociedade beneficiada com as informações aqui divulgadas e como caminho de beleza e elevação da auto-estima.