Duas vitórias para enfermagem:No segundo mês do ano, já tivemos um imenso avanço – os enfermeiros estetas conseguiram a liberação para trabalhar com Ozônio e o Cofen publicou nova resolução sobre a enfermagem estética.

Atuação regulamentada

O Cofen publicou nesta sexta-feira 21/02/20 pela manhã, a resolução 626/2020 que regulamenta a atuação dos enfermeiros especialistas em estética. Decisões judiciais haviam suspendido provisoriamente a resolução anterior 529/2016.

A atuação de enfermeiros na área de estética é uma realidade no Brasil e no mundo. Regulamentar os procedimentos e recursos terapêuticos disponíveis contribui para a segurança dos pacientes e profissionais. 

Graças a essa vitória parcial divulgada, agora o Cofen pode buscar restabelecer a integralidade dos procedimentos feitos pelos enfermeiros estetas.

O enfermeiro habilitado poderá realizar os seguintes procedimentos na área da estética:

– Carboxiterapia;
– Cosméticos;
– Cosmecêuticos;
– Dermo pigmentação;
– Drenagem linfática;
– Eletroterapia/Eletrotermofototerapia;
– Terapia Combinada de ultrassom e Micro Correntes;
– Micro pigmentação;
– Ultrassom Cavitacional;
– Vacuoterapia;

E a Ozonioterapia?

O Cofen (Conselho Federal de Enfermagem) reconheceu na última quarta-feira 20/02/20 a  Ozonioterapia como terapia complementar possível de ser realizada por enfermeiros que sejam capacitados para a prática. A recomendação é de que o profissional faça cursos com carga horária mínima de 120 horas.

“Nesse sentido, e considerando que a utilização de terapias com a utilização do ozônio tem sido amplamente difundida entre as diversas profissões da área da saúde, espera-se que possamos clarificar as propriedades da Ozonioterapia, suas indicações, vias de aplicações, modo de ação e resultados obtidos, com vistas a assegurar a utilização do método de forma segura pelo profissional Enfermeiro, regulamentando a sua prática, a exemplo do que já tem ocorrido na odontologia, na fisioterapia, na farmácia, dentre outras.”

Tratamento alternativo aprovado pelo SUS e os enfermeiros podem SIM  realizar os procedimentos em seus pacientes. Antes o profissional de enfermagem só podia atuar como terapeuta integrativo, agora ele foi reconhecido pela sua profissão.

A Ozonioterapia é a administração terapêutica de Ozônio caracterizada pelo aumento da oxigenação tecidual e consequente aumento do metabolismo. Trata-se de um método minimamente invasivo que oferece analgesia para a maioria dos pacientes, assim como recurso complementar no tratamento de doenças infecciosas agudas e crônicas causadas por vírus, bactérias e fungos, em queimaduras e úlceras diabéticas

O enfermeiro esteta pode usar Ozônio para melhorar o sistema imunológico dos pacientes, reverter processo de envelhecimento, acelerar cicatrização, combater a celulite e nas ações capilares, eliminando caspas e seborréia além de trazer o rejuvenescimento da pele das mãos e colo.

Parabéns enfermeiros, essa vitória é de vocês.

Deixe aqui seu Comentário

Comente abaixo! Extravase!! Liberte-se!!! Faz bem pra pele e pra alma!!!!

Please enter your comment!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...
Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos tudo por amor. Nosso compromisso é apenas com a verdade e com o que acreditamos e defendemos – a enfermagem estética é legítima, um direito do enfermeiro, do enfermeiro esteta, do graduando em enfermagem e, principalmente, de toda a sociedade beneficiada com as informações aqui divulgadas e como caminho de beleza e elevação da auto-estima.

Deixe aqui seu Comentário