Recentemente, agências de pesquisa brasileira e norte-americana (Associação Brasileira de Franchising-ABF e Nielsen-US) registraram dados estatísticos que estão remodelando as tendências da indústria da beleza.

Crescimento no cuidado da pele masculina e de franquias de beleza

As vendas de produtos e serviços estéticos nos EUA cresceram 2% em 2016, enquanto no Brasil o franchising no setor da beleza cresceu 8,3% em 2016, atingindo a marca de R$ 151,247 bilhões.

A grande contribuição veio do aumento na procura do mercado masculino em ambos países.

O segmento de Saúde, Beleza e Bem-Estar nos EUA apresentou a maior variação de faturamento no período, com 15,5% de crescimento, enquanto no Brasil o resultado supera a estimativa de 6% a 8% de expansão que havia sido feita pela ABF em 2016.

Jordan Rost, vice-presidente da Nielsen-US, observou que, diferentemente de outros segmentos da beleza, o crescimento de vendas foi maior nos serviços e produtos para cuidados da pele masculina, ultrapassando as vendas nos dos femininos, considerados como de maior prestígio e tradição.

Cuidados com a pele masculina cresceram uma média total de 4% em 2016, e em alguns segmentos específicos houve uma variação de 7% a 74%.

De acordo com a ABF o setor da beleza que mais cresceu no Brasil em 2016 foi o de clínicas de saúde, salões de barbearias e de produtos para beleza com a chegada de novas marcas, superando o setor de serviços automotivos e os setores da moda e alimentação que vêm logo atrás respectivamente.

De acordo com a Abihpec, salões masculinos como barbearia e o consumo de produtos e serviços cosméticos para homens aumentou de 10% para 19%.

Quer saber o resto da história? Simplesmente inscreva-se. É fácil. Além disso, leva menos de 1 minuto e é grátis!

Dentre os segmentos que sofreram maiores variações de crescimento nos EUA, o consumo de maquiagem está em ascensão, enquanto o consumo de serviços e produtos de anti-envelhecimento continua crescendo de forma atenuada.

Os segmentos com crescimentos mais significativos foram os de cuidado facial da pele masculina com uma variação de 8 a 84%, contra um leve crescimento de apenas 1% para os de cuidado facial da pele feminina, disse Grant.

Tendências de varejo em cuidados com a pele

Segundo Grant produtos de beleza e cuidados com a pele de marca venderam mais pela internet em comparação a maquiagens e perfumes.

Foi observado também na pesquisa norte-americana que os consumidores destes produtos e serviços de beleza tomam decisão de compra descobrindo novos produtos e marcas através das mídias sociais como Instagram, Facebook, Twitter e entre outras.

PÓS-GRADUAÇÃO ENFERMAGEM ESTÉTICA

 

 

Loading Facebook Comments ...

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Rodrigo Nunes tem mais de 10 anos de experiência nos mercados da Estética e Antiaging. Empresário e distribuidor independente executivo da Jeunesse. Organizador dos Portais "Biomedicinaestetica.com.br", "Enfermagemestetica.com.br", "Farmaciaestetica.com.br" e "Nutricaoestetica.com.br". Administrador de Empresas pela FEA-PUC/SP, Mestre em Gestão de Negócios pela PUC-Santos.