Ortomolecular auxilia no Emagrecimento Saudável

Pesquisa acadêmica explica o conceito da Ortomolecular e mostra como ela vem auxiliando nos tratamentos de Emagrecimento Saudável A saúde está diretamente ligada à ingestão das quantidades essenciais de vitaminas, sais minerais e aminoácidos. Baseada nesse conceito também está a Ortomolecular, que há alguns anos vem sendo estudada no Brasil e, desde então, constatou-se a […]
ortomolecular

Pesquisa acadêmica explica o conceito da Ortomolecular e mostra como ela vem auxiliando nos tratamentos de Emagrecimento Saudável

A saúde está diretamente ligada à ingestão das quantidades essenciais de vitaminas, sais minerais e aminoácidos. Baseada nesse conceito também está a Ortomolecular, que há alguns anos vem sendo estudada no Brasil e, desde então, constatou-se a relação entre carência nutricional com dieta alimentar e má absorção dos nutrientes pelo corpo. O conceito da ortomolecular no início foi utilizado para promover a desintoxicação de metais pesados entre trabalhadores da indústria e da metalurgia. Com a descoberta dos Radicais Livres e sua ação negativa quando em concentrações acima da normalidade, levaram os estudos para um patamar acima. O termo Ortomolecular foi usado pela primeira vez pelo cientista Linus Pauling, nos anos 60, indicado para o prêmio Nobel de Química e da Paz; e que preconizava o uso de substâncias naturais, ou seja, vitaminas, minerais, aminoácidos e fitoterápicos para promover o reequilíbrio químico do organismo.

Ortomolecular é forte aliada ao Emagrecimento Saudável

Atualmente, a Ortomelecular é amplamente utilizada pelos diversos profissionais da área da saúde visando sempre o equilíbrio geral da pessoa, aumento a resposta do organismo frente às ações terapêuticas desses profissionais. Profissionais estes capacitados para tanto, personalizando ainda mais seu atendimento. Quando o organismo se encontra equilibrado e não tem que lidar o tempo todo com alimentos inflamatórios, responderá melhor e de forma mais efetiva, levando ao emagrecimento saudável. Para tanto, é preciso uma anamnese detalhada do cliente, conhecer seus hábitos alimentares, estilo de vida, se se expõe a ambientes desfavoráveis, como se encontra emocionalmente, etc. Após a avaliação completa, vem a segunda etapa, que é desenvolver um programa tanto com sugestão de alimentos, quanto de mudanças de hábitos do paciente, além da associação de procedimentos estéticos. Fonte: Revista Estética com Ciência, baixe aqui a revista para ler o artigo completo. [widgetkit id=”29″ name=”BANNER PÓS GRADUAÇÃO ANTIAGING NEPUGA”]

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2013-2021. Portal da Enfermagem Estética.