Vice-presidente do Cofen explica sobre minuta de resolução da Enfermagem Estética

A Vice-presidente do Cofen Irene Ferreira durante primeiro Simpósio de Enfermagem Estética se manifestou de forma favorável à atuação dos enfermeiros na área da estética e garantiu aos profissionais presentes que eles podem contar com o apoio do Cofen (Conselho Regional de Enfermagem). [restrict] “A enfermagem precisa acompanhar as novas tecnologias, tanto na estética, quanto […]

A Vice-presidente do Cofen Irene Ferreira durante primeiro Simpósio de Enfermagem Estética se manifestou de forma favorável à atuação dos enfermeiros na área da estética e garantiu aos profissionais presentes que eles podem contar com o apoio do Cofen (Conselho Regional de Enfermagem).

[restrict]

A enfermagem precisa acompanhar as novas tecnologias, tanto na estética, quanto nas outras práticas avançadas também. Espero que consigamos ampliar o escopo de atuação do enfermeiro. Hoje temos além da estética a enfermagem Forense vindo ai, uma especialidade que já tem muita força nos Estados Unidos, Portugal e outros países. O Cofen está disposto a enfrentar o corporativismo médico seja na base do diálogo, ou no judiciário” disse Irene, durante a palestra.

Em entrevista ao blog Enfermagem Estética, Irene explicou alguns passos importantes que ocorrerão agora, após o término da consulta pública para regulamentar a especialidade.

IMG_0624
Vice-Presidente do Cofen Irene Ferreira participa do Primeiro Simpósio de Enfermagem Estética

As sugestões com base na consulta pública serão colocadas em uma minuta de resolução e isso vai ser avaliado pelo plenário do conselho federal que será o órgão final que vai discutir essa questão. O plenário é composto por 18 conselheiros, mas acredito que existe uma simpatia do Cofen para  aprovar essa especialidade. Primeiro, porque é uma necessidade da população. Precisamos ver apenas a forma como isso poderá ser feito, regulamentado e também fiscalizado. Quando a minuta da resolução for aprovada, nós incluiremos a enfermagem estética como especialidade, os diplomas dos enfermeiros serão encaminhados e se estiverem dentro da legislação do MEC serão aprovados. No primeiro momento para o profissional ser especialista vamos preconizar a legislação, ou seja, exame de proficiência ou curso de especialidade latu sensu e stricto senso”, explica a vice-presidente.

A minuta da resolução ainda não tem prazo definido para sair. Durante o evento foi estipulado um tempo de dois meses para o documento ficar pronto, mas a vice-presidente do Cofen não confirmou esse prazo.

[/restrict]

^A447811EB76D2A435A547798D5C3E4DA99ECDD7D3CFD7BEC5B^pimgpsh_fullsize_distr

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2013-2021. Portal da Enfermagem Estética.